Lifesolic

LIFESOLIC

 

Lifesolic™ possui  o ácido ursólico (50%) como composto bioativo, naturalmente encontrado em alguns tipos de frutas. A partir de estudos realizados por pesquisadores americanos, alguns efeitos do Lifesolic™ foram comprovados, como a inibição do acúmulo de gordura corporal, a diminuição da atrofia e catabolismo muscular, hipertrofia muscular, ação antioxidante e a redução da resistência à ação da insulina – por meio do IGF-1. 

 

Em 2014, um estudo publicado em Korean Journal of Physiology Pharmacology analisou os efeitos do uso do ácido ursólico associado ao treinamento de força por 8 semanas. Como resultado obteve-se uma redução significativa do percentual de gordura corporal, aumento do IGF-1 e irisina (importante função autócrina e endócrina). Além disso a extensão máxima e flexão, em ambas, direita e esquerda aumentaram significativamente.

 

Um possível benefício do ácido ursólico está relacionado no tratamento de diabetes, por sua capacidade de melhorar os efeitos da insulina na absorção de açúcar. Além disso, uma pesquisa recente sugere que o composto também apresente propriedades anticancerígenas, efeitos anti-inflamatórios, e indução da apoptose em várias células cancerosas.

 

Consulte seu médico ou nutricionista.

 

Escrito por: Larissa Martinelli (@larimartinelli)

Lifesolic
Lifesolic

LIFESOLIC

 

Lifesolic™ possui  o ácido ursólico (50%) como composto bioativo, naturalmente encontrado em alguns tipos de frutas. A partir de estudos realizados por pesquisadores americanos, alguns efeitos do Lifesolic™ foram comprovados, como a inibição do acúmulo de gordura corporal, a diminuição da atrofia e catabolismo muscular, hipertrofia muscular, ação antioxidante e a redução da resistência à ação da insulina – por meio do IGF-1. 

 

Em 2014, um estudo publicado em Korean Journal of Physiology Pharmacology analisou os efeitos do uso do ácido ursólico associado ao treinamento de força por 8 semanas. Como resultado obteve-se uma redução significativa do percentual de gordura corporal, aumento do IGF-1 e irisina (importante função autócrina e endócrina). Além disso a extensão máxima e flexão, em ambas, direita e esquerda aumentaram significativamente.

 

Um possível benefício do ácido ursólico está relacionado no tratamento de diabetes, por sua capacidade de melhorar os efeitos da insulina na absorção de açúcar. Além disso, uma pesquisa recente sugere que o composto também apresente propriedades anticancerígenas, efeitos anti-inflamatórios, e indução da apoptose em várias células cancerosas.

 

Consulte seu médico ou nutricionista.

 

Escrito por: Larissa Martinelli (@larimartinelli)